Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Para Ler na Retrete

Para Ler na Retrete

Champion da semana #2

          Que tal de semana? Péssima? É normal, mas não vão continuar tristes depois desta história maravilhosa que trago para vós. O nosso champion desta semana não tem nome mas tem o que todos os champions devem ter: Forte estupidez. Por uma questão prática, vamos-lhe chamar "Parvorius". Acho que é digno.
          Há uma coisa da qual eu pessoalmente gosto muito: pessoas que procuram uma relação séria em APPs como Tinder. Há uma certa magia no raciocínio destas almas que me arrebata completamente. É como ir ao MacDonalds para jantar com qualidade. É como obter as noticias da actualidade através do facebook. É como visitar a China para procurar um Homem negro.
          Pois uma mulher chamada Jessica procurava isso mesmo. Percorria o Tinder à procura de alguém para algo mais sério que apenas um engate. Quando estava prestes a perder a esperança, deparou-se com um perfil curioso. Parvorius, cuja primeira linha de descrição lia-se: "procuro algo mais que um simples engate". Remate e golo! Obviamente interessada, resolve meter conversa.
          E tudo corria bem! Duas semanas depois resolveram marcar um encontro num bar de hotel. A nossa florzinha inocente apetrecha-se com um bruto vestido preto justo e, ao chegar depara-se com um tipo de polo preto que nunca viu um ferro de engomar. Apesar da primeira imagem não ter causado a melhor impressão, foi uma óptima noite. Conversaram durante horas, beberam uns copos sem exagerar e, no fim, ele acompanhou-a a casa como um verdadeiro cavalheiro.
          No dia seguinte, Parvorius volta a mandar mensagem a convidar para um passeio no parque (Oinnhh) e ela aceita. Encontraram-se depois de almoço e, rapidamente o nosso champion foi reconhecido ao longe. Não por encanto mas por estar a usar exactamente o mesmo polo da noite passada. Ah, com uma diferença: um nódoa de chocolate do tamanho aproximado de duas moedas de um euro. Jessica, mais uma vez, ignorou a questão de higiene pessoal (o que só pode ser a decisão mais saudável) e passou a tarde com ele.
          Passam três dias. Devido a trabalho não se viram mais entretanto. Contudo hoje têm tempo e combinaram ir ao cinema. A nossa querida princesa de papel é a primeira a chegar ao local. Recebe uma chamada de Parvorius na qual este informa que está ligeiramente atrasado mas vai a caminho. Insiste também para não desligar e conversarem enquanto ele não chega. Conversa puxa conversa e passamos a um momento sério. O nosso intrépido herói diz: "tenho de falar contigo sobre uma coisa. Eventualmente vais conhecer os meus Pais, amigos e outros familiares. Além disso em todas as relações, um dos elementos do casal contenta-se e outro alcança. Quero que percebas que entre nós, eu sou quem se contenta por ti e tu és quem alcança por alguém fora da sua liga, neste caso, eu". Jessica ficou incrédula em silêncio.
          Devo confessar que quase chorei com a emoção deste discurso incrivelmente romântico. Penso que é óbvio, este dois passarinhos não ficaram juntos. É difícil escolher entre estas duas personagens um Champion visto que, apesar de toda bagagem romântica de Parvorius, esta mulher não foi muito esperta em andar à procura de amor no Tinder. Ninguém que o faça é muito esperto na verdade. Mas tenho de conceder o título perante aquele insano discurso. Se quisesse acabar com uma relação de propósito, não conseguiria fazer melhor.
          Para terminar, após a chamada em que Jéssica permaneceu em silêncio, Parvorius já se via na distância. Embasbacada, permaneceu no local a olhar para a silhueta que lentamente se aproximava. Qual não é o seu espanto quando, às páginas tantas, vê o Homem com um polo preto que tinha uma mancha de chocolate do tamanho de duas moedas e um euro.

 

          História original:

https://www.reddit.com/r/tinderstories/comments/b6thyb/the_chocolate_stain/

e7fd4d068f5e52badefd336382a24ce4.jpg

 

A bela, o monstro e o cavalo

          Era uma vez uma princesa chamada Madonna. Uma menina com cabelo de seda de ouro que em conjunto com a sua voz delicada e esculpida dos mais raros e preciosos sons da natureza, encantava qualquer homem e era invejada por qualquer mulher. Uma menina cheia de talentos e fortunas. Uma menina com uma carreira musical que passa os trinta anos e que desde à uns tempos para cá, veio a Portugal e desde então não se fala de outra coisa. Uma menina que, tendo em conta a sua idade actual, já não é bem uma menina. Ela nunca teve muito. Apesar do que muitos dizem, os milhões de dólares não são suficiente para a aquecer à noite. Mas nunca desiste! Parar é morrer! Como tal, a nossa heroína continua a percorrer o mundo em busca de inspiração e coisas novas para incorporar na sua arte. Foi então que, à cerca de seis meses, deu de caras com o nosso país em mais que uma visita. A sua vida mudou. O sangue latino, os bigodes farfalhudos, o hábito de cuspir para o chão, as chouriças de Monsaraz, os galos de Barcelos, a corrupção e constante falir de bancos, a citação da bíblia em decisões jurídicas, o fado e a saudade, arrebataram completamente o coração da princesa. Nunca teria avistado nada assim. Havia um conforto no clima desta terra que as palavras não se atreviam a tentar explicar.


          No seu esconderijo, bem confinado na limitação da sua autarquia, um monstro chamado de Basílio Horta conspirava. Na sua posição repugnante de presidente da câmara de Sintra, muitas decisões dependiam da sua palavra.  Pensar no povo, pensar no futuro e nas consequências é algo difícil de executar e mais ainda de manipular. Mas este monstro sabe o que faz e, a sua oportunidade para semear o mal chegou.


          A nossa princesa num novo projecto intitulado de Indian Summer, quis demonstrar o sentimento de aconchego adquirido neste paraíso distante. Como tal, decidiu filmar um vídeo num palacete de Sintra que incluía um Cavalo deitado a interagir com ela. Palacete esse cujo rés de chão tem uma estrutura frágil que não é a mais segura. Neste momento há sonhos a tornarem-se realidade. A perspectiva de uma demonstração de afecto e arte para o mundo. A aparição a nível mundial numa peça deste calibre faz brilhar os olhos do cavalo. Mas a maldade de Basílio não tem limites. Este analisou cuidadosamente o pedido para a gravação e, para surpresa de todos, permitiu tudo menos a entrada do animal na infraestrutura. E assim despedaçou a fantasia. Uma oportunidade única e uma porta para a fama e sucesso, fechada e selada com o carimbo oficial da Câmara.


          Neste momento todos os jornais falam da desilusão de Madonna com Portugal por lhe ter sido negada a autorização de colocar um animal num palacete que podia quebrar a qualquer momento e causar danos graves a todos. No entanto, ninguém pensa no pobre cavalo que trabalhou a vida toda para este momento. Horas e horas de ensaio a aperfeiçoar a sua arte para nada. É triste. Da minha parte deixo os meus sentimentos a este mártir das vigas de madeira. Talvez o senhor presidente tenha levado a expressão "deitados no chão a interagir" para outro plano. Não sei. Talvez se houvesse um colchão bem fofo a decisão fosse diferente. #SomosTodosoCavalodaMadonna

Cultura Geral Pós-Puberdade

          Eu tenho 25 anos. Esta é aquela idade em que já não sou adolescente (infelizmente) mas ainda me lembro bem de ser. Mais grave ainda, lembro-me bem do que fiz e porquê. Esta é a posição ideal para reflexão, visto que ainda não estou demasiado distante desta realidade. Ora nesta qualidade de ser Humano, quero deixar a seguinte declaração: o rapaz adolescente é, simultaneamente, o predador mais estúpido e perigoso que existe. Este tipo de pessoa é a encarnação de um manual incompleto.


          Qualquer Homem adulto tem múltiplas memórias de mentiras que contou aos pais. E todos eles podem testemunhar o quão facilmente foram desmentidos de imediato. Isto tem uma razão muito simples. Um adolescente não sabe mentir! Há sempre uma comichão ou um olhar para o lado que é demasiado  óbvio. Um miúdo a mentir parece um agarradinho a pedir uma dose de heroína de borla e a prometer que é a última vez. Além disso, todos os pais já passaram por esta fase, logo sabem perfeitamente o que aí vem. "Vais dormir a casa de um amigo? Onde é que ele mora? Hmmm naquele bairro novo. Aquele que ainda não está acabado? Não, não, o outro ao lado. Não há nada ao lado, só um Hospital e mato. Hmm ahhhh, não tipo, tipo, a cena é, tipo, tipo, não 'tás a perceber, tipo... porque é que não acreditas em mim?"


          Este fenómeno não parece assim tão mau. É só um bicho estúpido que precisa de educação para o manter na linha. Qual é o problema? Uma rapariga da mesma idade ainda não tem cabeça para detectar isto. É a presa perfeita. As feromonas de uma miúda pós-puberdade invadem o cérebro dos rapazes que nem inimigo num radar militar. Lembro-me de ainda não estar a olhar para trás mas já saber que se estava a aproximar um belo par de... senhoras... com grandes mamas. E sabem quais são as mais propícias a serem caçadas sem escrúpulos? As que dizem a frase: "não, ele no fundo é boa pessoa, eu sou capaz de muda-lo". Neste momento, há leitoras a esboçar um sorriso (supondo que têm mau gosto suficiente para ler isto), sabem porquê? Porque TODAS caíram nisto. Não vale a pena disfarçar Sra. leitora, essa memória do rapaz de carácter duvidoso que no fim acabou apenas por se aproveitar de si é óbvia. É por isso que custa tanto conhecer o pai de uma namorada e, simultaneamente, é por isso que nenhum pai gosta do namorado da filha. Ele fez o mesmo! "É claro que te ligo amanhã." "Não querida, tu és a primeira." "Nunca ninguém me fez sentir assim." "Só quero saber qual é a sensação." Alguma soa familiar?


          É claro que temos de ser justos. A culpa não é apenas dos rapazes. As mini senhoras também têm aqui algum peso. Mais uma vez puxando à memória de quem está a ler, aposto que isto vai soar a qualquer coisa: "O que eu quero mesmo é um Homem honesto". Isto é o correspondente feminino de "a curva mais bonita da mulher é o sorriso". Ambas são falsas e apenas aplicadas a comédias românticas. O que elas querem na verdade é alguém atraente que ature todas as manias e vontades que possam ter. O que eles querem é mamas e/ou cu grandes e redondos. Mais que isto é ruído. E mais: se algum rapaz nesta fase da vida for realmente honesto, é menos provável que venha a obter o que realmente quer. Logo: "De certeza que falta um anjo no céu porque tu estás aqui à minha frente". Ohhiinnnn tão querido!!


          Por hoje é tudo. Se algum rapaz adolescente ler isto, lembra-te que ou mentes ou tens de ser uma espécie de peluche não tão fofo para ter alguma coisa. Se alguma rapariga adolescente ler isto, já sabes que é muito provável que aquele rapaz em que estás a pensar te está a mentir de várias formas diferentes. Podes passar ao próximo e ouvir a próxima mentira ou então diverte-te um bocado. Ouvi dizer que sexo é agradável.

Adolescentes meme.png

 

Champion da semana #1

          Vou aqui iniciar uma espécie de série em que dou uma espécie de prémio em forma de uma espécie de título a uma espécie de pessoas muito especial. Sei que parece confuso mas esta eloquente primeira frase é uma forma elegante de dizer que vou começar a denunciar idiotas de forma mais ou menos constante. Não parece tão mal escrito daquela forma.

 

          Adiante, esta semana quero oferecer o título de "Reação talvez um bocadinho exagerada" a uma mulher chamada Katie Anne Castel. 38 Anos e oriunda de Brisbane, esta magnifica senhora decidiu atirar e atingir fatalmente o marido com uma faca no peito. Qual a razão? Aparentemente este monstro chegou outra vez a casa tarde. Eu sei que parece uma barbaridade mas na minha opinião, isto foi um descanso para o senhor. Convido todos a pensar nas discussões que já tiveram nesta mesma situação. Entre entrar em casa a tentar fazer o mínimo de barulho possível, duas horas de gritos, argumentos que vão buscar desentendimentos anteriores e loiça partida, digam-me quem é que nunca pensou acabar com a vida só para não ouvir mais uma palavra da boca da esposa? Neste caso ela fez-lhe esse favor. Acho que nestes casos o melhor é avisar de imediato que não vão dormir em casa. Assim, quando chegam tarde, afinal regressaram mais cedo do que era suposto e, passa a ser uma coisa boa. Pior é se ela não estava à vossa espera e, quando dão por isso, está um canalizador Africano no vosso lado da cama. É capaz de tornar a situação constrangedora.


          Em tribunal, o juiz condenou o comportamento da suspeita afirmando que este era "totalmente inapropriado para a natureza da discussão", segundo o jornal correio da manhã. É capaz é. Sei que provavelmente esta decisão foi difícil de tomar e ainda mais de verbalizar mas, eu diria que está correcta. Em Portugal, se fosse ao contrário, certos juízes afirmariam que segundo a bíblia, a acção seria mais que justificada. Mulher a sair de casa à noite e chegar tarde? E quem é que ficou a lavar a loiça? Peço desculpa não entrar em pormenores nem em nomes específicos mas não tenho dinheiro para me defender caso seja processado.


          Por hoje é tudo. Temos assim a nossa primeira champion da semana. Sendo hoje sexta-feira, cuidado para quem sair à noite. Não voltem muito tarde. Nunca se sabe se quando voltarem continuam a ser Homem ou alvo.

tenor.gif

 

Geração de Trolls de internet sem haver internet

          Hoje em dia temos a vida facilitada em termos de acesso a informação. Qualquer pessoa tem um aparelho no bolso que o permite consultar como é que se faz alguma coisa ou quem é tal pessoa. Antigamente, no tempo dos nossos avós, isso era impensável. Nessa altura era compreensível que se um amigo nos aconselhasse a por terra húmida numa picada de abelha para parar de doer. O limite era a percepção de se a pessoa a dar o concelho nos quer humilhar ou não. Daí saíram todos os ditados e conselhos que hoje ouvimos.


          O que me espanta é quem não ouve estas coisas e pensa "espera lá, qual é a base que faz disto credível?". Eu lembro-me de ser miúdo e, após uma queimadura no braço, a minha avó disse para ir imediatamente por manteiga na zona queimada. Hoje em dia penso: será que ela estava realmente a tentar diminuir a dor ou achava que eu estava a assar e queria que eu ficasse com mais sabor? Graças à ciência hoje sabemos que, não só isto era inútil, como fazia por ainda! Tenho a certeza que há muitos de vocês que estão a ler isto e a pensar em algo deste género. Esfolas-te o joelho? Sopra que isso passa. Não estales os dedos que ficas com artrose! Quando acabares de comer tens de esperar cerca de 3 horas até entrares na água. Sinceramente ninguém me tira da cabeça que isto foi uma conspiração para gozar com a nossa geração. Neste último exemplo, em casos extremos, podia provocar a morte! Como se um bife dentro do estômago voltasse a ser uma vitela enquanto estou dentro da piscina.


          Mas os ditados são a melhor parte. Eu gostava sinceramente de conhecer alguns dos artistas que deram origem a muitos destes mitos ou expressões. "Deitar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer". A quem? Qualquer ser racional sabe que dormir cerca de 8 horas a partir das onze da noite ou das cinco da manhã, é igualmente saudável. A diferença é que a segunda pessoa provavelmente tem companhia na cama e o primeiro esvaziou o saco sozinho. "Em briga de marido e mulher ninguém mete a colher". Nem vou entrar por todos os casos de violência doméstica que existem no mundo actualmente. No entanto, é de louvar que nos tempos de criação deste provérbio, ouve alguém que acabou com uma discussão de um casal usando uma colher. É de coragem! Capaz de levar com uma frigideira nas ventas... Neste caso, nota-se claramente que a colher foi posta ali só para rimar. Foi preguiçoso. E neste âmbito existe ainda a minha favorita: "Abril, águas mil." Nem sei por onde começar. Não me lembro de ler na Bíblia que quando ocorreu o dilúvio, estava um péssimo dia de Abril. Assim também eu... "Novembro, camadas que nem me lembro"; "Outubro, gajas ao rubro". Não quer dizer que eu seja um playboy em Outubro ou que fique em coma em Novembro. É só uma frase que rima. Incrivelmente ainda nos dias de hoje, oiço coisas destas a toda a hora e, mais incrível ainda é existirem pessoas que engolem isto "a dar com pau". Outra expressão infeliz que provavelmente fez pessoas andarem com nódoas negras. Pena não existir Voltaren na altura. Provavelmente passavam com pasta de dentes ou estrume de cavalo. Só para não doer.


          Por hoje é tudo, despeço-me deixando um alerta a todos porque não falta muito para Abril. Logo convém abastecer a casa de champô e/ou guarda-chuvas. Queria fazer uma com o mês actual mas não faço ideia de palavras que rimem com Março sem ser calão para pénis. E disso, se calhar, já chega.

54qj1v26jzrx.jpg

 

Pág. 1/2